Congregação de Camurugi

cong camurugi_capa

A Congregação Batista em Camurugi está localizada na Avenida Rio grande do sul, s/n - Camurugi, Guarapari/ES - CEP: 29.210-350 em frente ao material de construção Pontini e próximo a Escola Municipal Maria Veloso Calmon.  Para chegar lá basta seguir reto na Avenida F, até o final, ao término da mesma converter à direita e seguir em frente, passando pela AABB (Associação Atlética Banco do Brasil) ao chegar à última descida, logo é possível ver de seu lado esquerdo a Congregação.

A Congregação foi fundada em 28/10/74.  Abrilhantando aquele trabalho, por lá já passaram vários pastores e líderes, como: Irmã Conci, irmã Jocelina, Irmão Isaías, Pr. Zaqueu Soriano (em memória), Pr. Antônio Silva e alguns outros notáveis e queridos irmãos.  Desde 28/02/09 seu líder é o Pr. Kleberson Sergio de Andrade,  nascido em Jaboatão dos Guararapes/PE, em 18/11/76 formado em 12/2004 pelo SETEBES tendo ainda  validado seu curso como superior pela FTU (Faculdade de Teologia Unida de Vitória) em 12/2009, possui o primeiro módulo de pós-graduação em capelania hospitalar pelo STBNB.  Casado com Clause Miranda Quirino de Andrade, profissional Pedagoga; é pai de Hugo Adriel Miranda de Andrade, Pr Kleberson está há três anos e sete meses a frente da congregação.

Atualmente a congregação conta com dezenove membros, com cerca de dezesseis ativos e aproximadamente catorze assíduos. Temos algo em torno de quarenta congregados, numa rotação regular de oito a quinze por domingo à noite (sem contar as crianças).  Atualmente estamos preparando em torno de vinte desses irmãos para descer as águas do batismo.  Regularmente ainda trabalhamos com mais de quarenta crianças em diversas atividades semanais.

Nosso templo comporta cerca de oitenta pessoas.  Temos dois banheiros, uma cozinha, um dispensa, um gabinete pastoral e uma pequena área externa.  Oramos regularmente para construirmos um templo para 300 pessoas.  No momento não temos nenhuma sala para serem usadas como classes de EBD.  Isso tem nos feitos ficar extremamente limitados em nosso raio de ação.  No verão, pelo grande calor que faz, temos que realizar o culto fora de nosso templo. 

Temos como alvo levar a Congregação  a viver em santidade e consagração, obedecer a Palavra de Deus, andar sob sua orientação, graça e soberania e bem como preparar o povo do Senhor para o grande encontro com O Senhor Jesus Cristo onde viveremos eternamente com Ele, conforme João 14.2-3 e I Tessalonicenses 4.17.

 

Mensagens Pastorais

Como Deus te vê

Existe um modo como a sociedade nos enxerga: não pelo que somos, mas pelo que temos. A ótica humana costuma valorizar as pessoas pelo que elas possuem. Entretanto, o Senhor nos enxerga com misericórdia e com graça. Seu maravilhoso olhar transforma nosso ser, nosso viver. 

Quando o profeta Samuel recebe a incumbência de encontrar um Rei para Israel, ele vai até a casa de Jessé e encontra vários filhos fortes, de boa estatura. Mas, Deus escolhe Davi, sem formação, sem força excepcional. Esse registro do livro primeiro livro de Samuel, capítulo 16, nos confirma que os olhos do Eterno são especiais.

Leia mais...

Encontros e Despedidas

Dizem que a vida é cheia de encontros e despedidas. Mas, existe um perigo! Na verdade, um grande perigo: o de transferirmos a transitoriedade de nossa presença nas coisas do cotidiano para nosso relacionamento com Deus. Em outras palavras, existe o grande risco de nossa relação com Pai transformar-se em encontros e despedidas.

Vejo homens e mulheres envolvidos em convivências fugazes, alígeras. Nutre-se um amor na sexta que misteriosamente acaba na segunda. Relacionamentos transformados em envolvimentos, na expectativa de emoções novas, que de fato chegam. Porém, chegam com sua irmã-gêmea: a frustração. Envolvimentos possuem prazos, relacionamentos não.

Leia mais...

Sobre Sapatos e Canetas

Dentre todas as diferenças materiais, estruturais e utilitárias que existem entre sapatos e canetas, encontro uma semelhança: ambos são objetos que nós perdemos constantemente. A diferença é que os sapatos nós perdemos por necessidade - já que nossos pés crescem - mas as canetas nós perdemos por descuido. 

Devemos dar graças a Deus por coisas em nossas vidas que são como sapatos, com o tempo não nos servem mais. Em 1ª aos Coríntios 13, a mais bela narrativa de Paulo sobre o amor, ele diz no versículo 11: “Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.” Crescer é necessário, amadurecer é importante, deixar velhos hábitos é indispensável.

Leia mais...

Páginas em Branco

Já estava desacostumado, mas depois de muito tempo meu professor passou um gigantesco trabalho manuscrito. Nessa era de computador, tablet, etc, desaprendemos a escrever à mão. Na universidade, os cadernos foram substituídos por notebooks, até mesmo as aulas nos quadros foram para o projetor do datashow.

A evolução nos deixa acomodados. A gente se acomoda com a companhia dos artistas da TV, quando não há ninguém ao lado no sofá; se acomoda a mandar mensagem pelo celular e se desacostuma com a voz e a presença do outro. Muitas teclas, pouco toque. Muitas telas, pouca visão. Muitos dados, poucos abraços.

Leia mais...

Cadastrar email

Digite o seu nome e email abaixo para receber nossos informativos.